Uso Dos 4 Porquês

Quando usar os 4 porquês: porque, por que, porquê e por quê

Você é daquelas pessoas que ainda não sabem quando usar os quatro porquês? Com certeza, é porque usava macetes que não funcionavam, e isso quase sempre é o motivo por que você se estressa com o português. Saber quando usar os quatro porquês é libertador, sabe por quê? Porque você constrói um parágrafo inteiro com os 4 porquês, exatamente como esse que você acabou de ler.

O pulo do gato é relembrar – e dessa vez entender – a classe de palavras e sintaxe, que é o estudo da função da palavra na oração. Vamos descobrir quando usar os porquês?

Quando usar ‘porque’

O ‘porque’ junto e sem acento é uma conjunção com valor causal ou explicativa. É usada em orações de resposta e explicação, podendo ser substituída por uma vez que, pois, visto que, etc.

Exemplos com o uso de porque

  • Não vou a lugar nenhum porque não quero (pois não quero).
  • Vou procurar trabalho porque tenho que pagar as contas (uma vez que preciso pagar as contas).
  • Eu não vou comprar arroz porque tenho em estoque (visto que tenho em estoque).

 

Quando usar ‘por que’

O ‘por que’ separado e sem acento é usado em início de pergunta ou para relacionar dois termos. Trata-se da preposição por + pronome interrogativo que (quando há pergunta e significa por qual razão ou por qual motivo) ou relativo ‘que’ (pelo/pela qual).

Exemplos do uso de por que

  • Por que você faltou à aula? (por qual motivo você faltou à aula?).
  • Ele sabia por que eu não queria ir à festa (Ele sabia por qual motivo eu não queria ir à festa).
  • A Impactus Cursos possui o preparatório Enem por que estudei (A Impactus Cursos possui o preparatório Enem pelo qual estudei).

Quando usar ‘porquê’

O ‘porquê’ junto e com acento funciona como substantivo quando vem precedido de artigo definido ou indefinido. Também pode vir depois de pronome ou numeral. O ‘porquê’ significa o motivo, a causa.

Exemplos do uso de porquê

  • Agora sim aprendo os 4 porquês.
  • Não entendo o porquê do meu cartão não funcionar.
  • Era só um porquê que eu precisava.

Quando usar ‘por quê’

Já o ‘por quê’ separado e com acento é para final de pergunta. Possui o mesmo valor do ‘por que’, ou seja, significa por qual razão, por qual motivo.

Exemplos do uso de ‘por quê’

  • Se você fez tudo certo, está nervoso por quê? (está nervoso por qual razão)
  • Não gosto de atrasos e ele sabe bem por quê (ele sabe bem por qual motivo)

Agora você aprendeu quando usar os quatro porquês? Então é hora de espalhar para seus amigos, compartilhando este artigo em suas redes sociais!

 

 

Compartilhar este post

Precisa de ajuda? nos chame no Whatsapp.